Entenda os ciclos de mercado do Bitcoin e criptomoedas

Como identificar e entender os ciclos de mercado das criptomoedas? Nesse conteúdo você descobre como saber quando momentos de altas e de queda podem acontecer.

Equipe Coinext
Última atualização:
1/8/2023
Criptomoedas

Você sabia que, assim como outros ativos, é possível identificar os ciclos de mercado das criptomoedas?

Os ciclos de mercado são os movimentos que um ativo ou setor faz entre períodos de baixa e de alta. Eles podem ser observados em diferentes tipos de investimentos, inclusive o mercado de criptomoedas e em ativos como o Bitcoin.

Esses ciclos são constantes, ou seja, estão sempre ocorrendo um em seguida do outro, e apresentam semelhanças entre si que nos permitem enxergar padrões no histórico de um ativo.

Por isso, quando investidores sabem identificar em qual momento de um ciclo um criptoativo se encontra, essas informações podem ser usadas em conjunto com outros indicadores para fazer uma leitura mais assertiva desse investimento para planejar melhor suas operações.

Entretanto, essa análise não é óbvia e nem previsível com exatidão. Por esse motivo, é preciso entender bem o conceito de ciclos de mercado, como eles acontecem e quais cuidados é preciso ter ao analisar os ciclos do mercado cripto, afinal, essa é uma das formas de encontrar as melhores criptomoedas para investir.

Neste artigo, você encontra respostas para tudo isso. Confira o que você vai ler:

  • O que são ciclos de mercado?
  • O que causa os ciclos de mercado?
  • Como os ciclos de mercado ocorrem
  • Fases e características dos ciclos de mercado
  • Por que é importante entender os ciclos de mercado?
  • Ciclos de mercado na prática: como identificar?
  • Entendendo os ciclos de mercado do Bitcoin
  • Cuidados ao analisar os ciclos de mercado das criptomoedas

O que são ciclos de mercado?

No mercado de criptomoedas e outros investimentos de renda variável, os preços dos ativos não seguem sempre em linha reta. Em vez disso, existem momentos de alta e de baixa. Os ciclos de mercado são justamente os movimentos que ocorrem dentro do período entre uma baixa e uma alta.

A ganância e o medo exagerado das pessoas, assim como o comportamento de investidores institucionais, são alguns dos fatores que fazem o ciclo atingir esses extremos, encerrando ou iniciando um novo ciclo.

Saiba mais sobre o que causa o início e o fim dos ciclos de mercado a seguir:

O que causa os ciclos de mercado?

Os ciclos de mercado podem ser influenciados por eventos internos, como os fundamentos de um ativo e o desempenho do projeto ao qual está relacionado, ou eventos externos, como questões políticas e macroeconômicas.

Isso vai além de questões objetivas e fáceis de medir, pois os ciclos de mercado dependem bastante do psicológico e do sentimento que a maioria dos investidores estão apresentando sobre aquele ativo, além das estratégias de grandes investidores tradicionais, capazes de impactar o volume negociado. 

Cada ciclo pode ocorrer por motivos distintos e durar por diferentes períodos de tempo. Mas eles possuem certas similaridades que permitem identificar padrões. Esses padrões são o que nos ajudam a ter uma noção do que pode vir a acontecer em relação a um determinado investimento.

Portanto, apesar de semelhantes, os ciclos de mercado não são previsíveis. Na verdade, sempre destacamos em nossos artigos que, quando o assunto é criptomoedas, não podemos prever o futuro, apenas nos basear nos movimentos passados para lidar melhor com os investimentos.

A seguir, você vai conhecer as fases e características dos ciclos de mercado que podem te ajudar a se planejar melhor para investir.

Como os ciclos de mercado ocorrem

Antes de seguir, é preciso lembrar que este conteúdo não possui o objetivo de mostrar como fazer previsões sobre o mercado de criptomoedas ou questões macroeconômicas. É impossível realizar esse tipo de previsão e não é algo eficaz para investidores.

Essas informações servem apenas para ajudar a interpretar o momento pelo qual um determinado criptoativo está passando, em conjunto com outras análises e informações.

Mais importante e confiável do que tentar prever quando acontecerá a próxima crise ou alta histórica, é conhecer bem as criptomoedas nas quais investe e entender as dinâmicas de mercado. Nesse sentido, saber identificar em qual momento dos ciclos estamos pode te ajudar a tomar melhores decisões como investidor.

Fases e características dos ciclos de mercado

Os ciclos de mercado são inevitáveis, acontecem um em seguida do outro e podem começar, se prolongar ou terminar por diversos fatores internos ou externos àquele ativo.

Ciclos se iniciam com uma reversão de tendência de alta ou de baixa. Por exemplo, após a confirmação de uma tendência de alta, o preço do ativo sobe até atingir seu pico. Em seguida, o preço volta a baixar até ocorrer uma nova reversão de tendência para queda, e assim por diante.

Quando há um maior sentimento de ganância entre investidores o preço tende a subir e até que o mercado fique em euforia. Já nas quedas as pessoas são movidas pelo medo, o que faz com que os preços caiam ainda mais. 

ilustração da psicologia de investidores afetando o ciclo de mercado
Fonte: Bocconi Students Investment Club

Nos momentos em que investidores estão mais avessos ao risco, o preço também tende a cair em contraste com os momentos em que estão mais tolerantes.

Compre as principais criptos de forma rápida e segura, venha para a Coinext.

É impossível prever, mas é possível se preparar

Identificar as reversões nem sempre é possível. Por exemplo, uma correção pode ser confundida com o final de um ciclo.

Além disso, um investimento estar bastante valorizado não significa que ele já atingiu seu preço máximo, podendo subir ainda mais. Da mesma forma, um ativo que se encontra desvalorizado pode não ter chegado ao seu ponto mais baixo e continuar caindo.

Ainda que os ciclos de mercado se repitam com um certo padrão, a dificuldade de controlar o emocional e analisar o passado durante grandes baixas e altas colabora para o caráter inevitável dos ciclos de mercado.

Por isso a análise gráfica é tão importante para compreender o momento pelo qual um ativo está passando. Ainda que não seja possível prever o momento exato de encerramento de um ciclo, você pode trabalhar com probabilidades para se preparar para o que pode vir, minimizando riscos.

Temos um vídeo onde explicamos como analisar o gráfico de preço de criptomoedas, confira:

Por que é importante entender os ciclos de mercado?

Compreender a dinâmica do investimento em criptomoedas vai além da interpretação de gráficos e envolve também o estado psicológico e as emoções de quem investe.

É comum muitas pessoas entrarem na corrida de alta quando um ativo começa a valorizar e alcançar lucros. Depois, quando vem um período de queda, por conta do medo e desânimo, alguns desses mesmos investidores se desfazem de suas posições pela preocupação de vender rapidamente seus ativos, como tentativa de driblar a queda no preço.

Mas quando o conceito de ciclos de mercado fica claro, a máxima "comprar na baixa e vender na alta" começa a fazer ainda mais sentido. Assim é possível ter maior discernimento para entender os momentos de entrada e saída de um investimento e porque pode valer a pena comprar criptomoedas em queda.

Por conta desse fator emocional, entender os ciclos e saber interpretar os movimentos passados pode te ajudar a não se deixar levar pelas emoções em momentos extremos e mais delicados e acabar perdendo dinheiro por isso. Nessas horas, é fundamental entender que o mercado é cíclico e seguir fiel à sua estratégia.

ciclos de mercado das criptomoedas - quadro com o nome de várias criptos

Ciclos de mercado na prática: como identificar?

Basicamente, os ciclos de mercado são definidos em quatro fases: Lateralização/Acumulação, Alta (bull market), Lateralização/Distribuição e Baixa (bear market).

Saiba como identificar cada uma delas:

  1. Lateralização/acumulação: acontece após um período de forte queda do ativo. É nesse momento que os investidores têm a possibilidade de obter uma maior rentabilidade no investimento, considerando que é nesta fase que o ativo está nos níveis mais baixos de preço (fundo) e, portanto, é considerado um dos melhores momentos de entrada do investimento.
  2. Alta: Momento de maior otimismo e euforia do mercado. Apesar de ser um período positivo para o ativo, investidores devem ter muito cuidado nesta fase, pois esse é um dos momentos que antecedem o período de distribuição, e as entradas nesta fase devem ser feitas com cautela.
  3. Lateralização/distribuição: momento no qual boa parte dos investidores realizam seus lucros, principalmente aqueles que realizaram aportes no ativo na fase de acumulação. Esse movimento acontece quando o mercado começa a identificar que o movimento de alta está muito esticado, ou seja, a força compradora vai perdendo intensidade, sinalizando que o mercado deve estar próximo de entrar na última fase do ciclo, o bear market.
  4. Baixa: é o momento em que a grande maioria dos investidores saem do mercado. A partir daí começam a surgir as primeiras oportunidades no ativo, pois é nesses períodos que o seu preço começa a ficar mais atrativo para os investidores, principalmente aqueles que ainda não estão posicionados no ativo.

Outro ponto importante nessa fase de baixa é a utilização da estratégia DCA, pois é nesse momento que essa estratégia começa a fazer sentido, já que o investidor não consegue prever quando será o fundo do ativo. Então, o mais prudente a se fazer é ir montando posições aos poucos para evitar maiores desconfortos caso a queda continue acontecendo por mais algum tempo.

Indicadores importantes

Os principais indicadores que ajudam a identificar as fases de um ciclo e que são bastante utilizados pelos investidores são as linhas de suporte e resistência, que auxiliam a identificar regiões de preço em que o ativo teve dificuldade de romper no passado, podendo ser um bom parâmetro para identificar uma possível reversão de tendência no preço do ativo no presente.

Um outro indicador que também é muito utilizado é a Retração de Fibonacci, que tem um bom percentual de acerto na identificação da tendência no preço do ativo.

Como observar os ciclos de mercado do Bitcoin

Os analistas utilizam o período de 4 anos para identificar os ciclos de mercado do Bitcoin,  pois é durante esse espaço de tempo que ocorre o halving do Bitcoin, um dos eventos mais importantes da criptomoeda, que representa a redução da oferta de novos Bitcoins no mercado pela metade, impulsionando o preço do criptoativo.

É durante os ciclos de halving do BTC que os investidores conseguem identificar padrões na performance histórica do criptoativo em cada momento do ciclo.

Invista em Bitcoin sem abrir mão da segurança.

Cuidados ao analisar os ciclos de mercado das criptomoedas

Ao analisar os ciclos de mercado de criptomoedas, lembre-se que o momento de reversão de um ciclo não é algo exato e previsível. O mercado muda constantemente e um ciclo não será exatamente igual a outro. O que existe são apenas padrões que nos ajudam a se preparar dentro de uma margem menor de possibilidades.

Tentar adivinhar topos e fundos não é uma tática recomendada. Por conta disso, muitos investidores preferem fazer aportes mensais e seguir estratégias como DCA, por exemplo, para reduzir o preço médio de compra evitando riscos maiores. 

Por isso, tenha o cuidado de considerar demais fatores em suas análises, como um estudo fundamentalista daquele criptoativo e o uso de outros indicadores. Além disso, busque se informar sobre o mercado cripto frequentemente e as principais notícias sobre criptomoedas.

Tudo isso ainda vai depender do seu perfil de investidor, para saber o que se adequa melhor à sua estratégia para alcançar seus objetivos. Portanto, também avalie todas essas questões com calma e atenção.

Para auxiliar nesses estudos, na Coinext você encontra mais conteúdos sobre análise técnica e análise fundamentalista em nosso Blog, YouTube e Coinext Educação para aprofundar ainda mais seus conhecimentos.

Por isso, entenda como analisar os ciclos de mercado por meio dessas análises, assista ao vídeo abaixo:

Agora, está com você. Com o entendimento sobre os ciclos de mercado das criptomoedas, você já sabe o que precisa analisar para entender o cenário atual. Por isso, continue nos acompanhando e abra sua conta grátis para aproveitar as melhores oportunidades para investir em criptomoedas e tokens.

Criptos com máxima segurança
Comece a investir agora em apenas 5 minutos.
Abra sua conta e compre seu primeiro Bitcoin em 5 minutos. A partir de R$10.
coinext app storecoinext play store
coinext app storecoinext play store
4,7
100 mil+ downloads
Tags deste artigo
Autor
Equipe Coinext
Conteúdos preparados por especialistas em criptomoedas. A equipe da Coinext conta com nomes importantes e com conhecimento para passar as melhores informações sobre Bitcoin e outros principais criptoativos.
Mais nesta categoria