Super Semana Cripto | 16 a 20 de abril | Inscreva-se
SOL/BRL

O que é Solana (SOL) e como funciona essa criptomoeda?

Solana é uma plataforma de Blockchain para criação de DApps, NFTs e ativos digitais. Sua criptomoeda SOL é procurada por investidores que desejam contar com ativos bem fundamentados em sua carteira.

Solana
Solana (SOL)
R$ 00,00
-

Solana é uma plataforma de Blockchain para criação de DApps, que facilita o desenvolvimento de recursos como NFTs, games, serviços de streaming e pagamentos. Com uma tecnologia eficiente e inovadora, a rede Solana é um destaque dentro do meio DeFi por seu alto desempenho e taxas muito baixas, tida como grande concorrente da Ethereum.

Neste conteúdo, você vai conhecer o que é Solana (SOL) e quais são os fundamentos desse ativo, para entender o que está por trás da sua grande valorização e se vale a pena ter esse token na sua carteira de criptomoedas.

O que é Solana (SOL)?

Solana é uma Blockchain descentralizada, cujo protocolo foi desenvolvido para oferecer maior escalabilidade e facilitar a criação de aplicativos descentralizados. 

Assim como ocorre na rede Ethereum, o desenvolvimento de DApps é possível por meio dos contratos inteligentes. O que difere a Solana é que seu propósito está focado na alta performance: a rede é capaz de alcançar alta velocidade de transação a baixo custo, o que a torna mais escalável e de melhor usabilidade.

A Solana foi fundada em 2017 por Anatoly Yakovenko e oficialmente lançada em 2020 pela Fundação Solana. No momento, o protocolo já conta com milhares de projetos desenvolvidos, entre eles Phantom e Audius, além de integração com a Chainlink (LINK).

Por conta de todo esse potencial da Solana, é interessante conhecer melhor o SOL, seu token nativo, visto que o ativo já alcançou o top 10 das criptomoedas em maior valor de mercado, próximo de R$146 bilhões.

O token SOL é o principal ativo da rede Solana, usado para garantir sua segurança e para cobrança de taxas.

O fornecimento máximo de SOL é de pouco mais de 508 milhões de unidades, e a rede tem efetuado queimas do token como parte de seu modelo deflacionário, tornando-o mais escasso. 

Como a Solana funciona?

A Solana utiliza o mecanismo de consenso Proof of Stake para verificar as transações da rede. Até o momento de produção deste artigo, há 1.564 validadores em operação, conforme o site do projeto.

Qualquer um pode se tornar um validador da rede Solana, mas para isso é preciso ter tokens SOL equipamentos muito potentes e de alto custo, um preço a se pagar por sua excelente performance.

Esse ótimo desempenho da Solana se deve sobretudo à utilização do modelo Proof of Stake aliado ao sistema Proof of History. Logo, o PoH é um componente fundamental do protocolo Solana e é sobre esse modelo híbrido que vamos falar agora.

Proof of History (PoH)

Proof of History é um método implementado pela Solana para ordenar transações de maneira mais rápida e assim aumentar a velocidade da rede.

O PoH funciona registrando operações e determinando o tempo decorrido entre elas com mais eficiência. Combinado ao Proof of Stake, o Proof of History facilita a seleção do próximo validador para um bloco, já que os nós precisam de menos tempo para validar a ordem das transações.

Desse modo, esses dois mecanismos em conjunto permitem que a Solana demonstre segurança e um impressionante rendimento, podendo oferecer uma possível solução para a barreira de escalabilidade das Blockchains de maneira inovadora. 

Além disso, o seu token nativo, o SOL funciona como um token de utilidade e possui dois principais casos de uso na rede Solana:

  • Taxas de rede: SOL é a moeda utilizada para pagamentos de taxas de transação ao fazer transferências ou interagir com contratos inteligentes na Solana.
  • Staking: processo através do qual holders de SOL podem colaborar para a segurança da rede e, em troca, recebem renda passiva.

Para ser um staker, é preciso manter tokens SOL trancados em uma carteira compatível por um determinado tempo, e delegá-los a validadores da rede, ajudando-os a aumentar seu peso de voto. Esses validadores então compartilham parte de suas recompensas com os usuários que fizeram staking.

Invista nas criptomoedas mais promissoras do mercado,

Quais os diferenciais da Solana?

As Blockchains públicas deram um passo importante para uma nova economia da internet, mais eficiente e democrática, e possibilitaram o desenvolvimento de recursos cada vez mais inovadores, desde NFTs até múltiplos Metaversos.

Mas à medida que as redes crescem, principalmente aquelas que suportam a construção de variadas aplicações descentralizadas e visam a expansão de seu ecossistema, é comum enfrentarem problemas em termos de velocidade de transação e tempo de confirmação.

Esse congestionamento na rede faz com que o valor das taxas aumentem e compromete a usabilidade da plataforma. Foi isso o que ocorreu com a Ethereum, por exemplo, e que levou à atualização Ethereum 2.0, em busca de aliviar a sobrecarga enfrentada. 

E é justamente com relação à solução para o problema de escalabilidade das Blockchains descentralizadas que a Solana se sobressai, como demonstraremos agora.

Alta performance

A Solana é uma plataforma que oferece recursos semelhantes à Ethereum, mas que visa apresentar mais escalabilidade e rendimento, sendo mais rápida e barata.

Para se ter uma ideia, enquanto o tempo de bloco da Solana é de 400 milissegundos, em média, o da Ethereum é de 15 segundos e o do Bitcoin 10 minutos. Com isso, a rede Solana é capaz de processar milhares de transações por segundo, enquanto as taxas se mantêm mais baixas que US$0.01.

O que torna a Solana única e permite essa alta performance é justamente a adoção do Proof of History (PoH), em conjunto com o mecanismo Proof of Stake (PoS). Entenda esse funcionamento com mais detalhes a seguir.

Escalabilidade

Uma das principais vantagens da Solana é justamente a sua escalabilidade horizontal. Sua capacidade de processamento de transações simultâneas faz com que seja possível juntar muitos nós na rede sem que isso comprometa a sua segurança ou descentralização.

Comunidade e Ecossistema

Essa blockchain possui uma comunidade de desenvolvedores que é bastante ativa. Isso, aliado ao seu ecossistema em ascensão, faz com que muitos projetos sejam construídos na plataforma, o que a valoriza como um todo. 

Interoperabilidade

Mesmo sendo um projeto independente, a Solana possui interoperabilidade. Ou seja, é fácil fazer a migração de projetos para a rede ou mandar projetos feitos nela paras outras blockchains.

Além disso, ela possui uma série de funcionalidades técnicas que a diferenciam das outras, como:

  • Archivers: uma forma única de armazenamento;
  • Pipelining: uma unidade de processamento que otimiza o processo de otimização;
  • Sealevel: uma metodologia própria de organização e processamento de contratos inteligentes;
  • Turbine: protocolo de compartilhamento de informações de forma rápida;
  • Cloudbreak: base de dados de contas e chaves públicas.

Mas afinal, vale a pena investir em Solana? Confira abaixo.

Invista em criptos com segurança e praticidade.

Vale a pena investir em Solana (SOL)?

Antes de tudo, é importante ressaltar que essa não é uma recomendação de investimento. Para avaliar de fato se uma criptomoeda vale a pena é preciso que você analise diversos fatores e pondere se ela faz sentido para o seu perfil de investidor. Por isso, pesquise bastante antes de investir.

Conheça algumas vantagens que a criptomoeda envolve e que pode levá-la a ser uma boa opção para diversificação da carteira:

  • Alto rendimento: Solana é conhecida por validar rapidamente as transações e execuções dos contratos inteligentes, com taxas baixíssimas. Isso faz com que a plataforma seja ideal tanto para usuários quanto para desenvolvedores, podendo colaborar para sua valorização;
  • ‍Serviços DeFi: A plataforma permite o desenvolvimento de diferentes serviços no âmbito das finanças descentralizadas, como DApps, NFTs e games, com a vantagem de requerer taxas mais baratas e mais rápidas do que a Ethereum, por exemplo, possivelmente aumentando sua adoção;
  • ‍Escassez: A economia adotada pela Solana também pode atrair investidores e impulsionar seu preço a longo prazo, visto que cerca de metade das taxas de transação da Solana são queimadas, o que torna o SOL mais escasso;
  • ‍Investimentos: Por seu incrível desempenho e potencial, a Solana atraiu bastante interesse institucional e vem recebendo investimentos massivos de grandes players do mercado, o que pode contribuir ainda mais para seu crescimento e valorização.

Além dos pontos fortes, não se pode deixar de analisar os riscos envolvidos, já que assim como as demais criptomoedas, a SOL pode sofrer os impactos da volatilidade, estando sujeita tanto a altas quanto a quedas significativas.

Outro ponto que precisa ser levado em conta é que o inovador Proof of History adotado pela Solana é um método recente. Assim, com o maior uso e estresse da rede, não se sabe se no futuro poderá haver alguma limitação no seu desempenho e qual o papel que a Solana irá representar no mundo das criptomoedas.

Quanto a isso, o que já vimos até aqui é que a rede tem mostrado eficiência e potencial para criar um ecossistema robusto, garantindo a escalabilidade e o processamento rápido para os quais o protocolo foi projetado.

Portanto, é fundamental estudar mais a fundo o projeto, acompanhar a performance de SOL e analisar se esse ativo é compatível com seu perfil de investidor, já que saber se uma criptomoeda é ou não a ideal para compra vai depender dos objetivos de cada um.

Quer saber mais detalhes sobre o que considerar antes de investir em Solana? Assista ao vídeo abaixo:

Encontre as riptomoedas que combinam com você.

Carteira de Solana

Existem várias carteiras disponíveis para armazenar a criptomoeda Solana (SOL). Aqui estão algumas das principais:

  • Sollet.io: É uma carteira web oficialmente recomendada pela equipe da Solana. Permite armazenar, enviar e receber SOL e outros tokens na rede Solana;
  • Ledger Nano S / Ledger Nano X: Se você prefere uma opção de hardware, as carteiras Ledger Nano S e Nano X são compatíveis com Solana através da integração com carteiras de terceiros, como Solflare;
  • Solflare: Uma carteira de navegador para Solana que oferece suporte à integração com hardware como Ledger Nano S. É uma opção leve e fácil de usar.
  • Phantom: É uma carteira de navegador e uma extensão de navegador para Google Chrome e Brave. Oferece uma interface amigável e suporte para tokens e NFTs na rede Solana;
  • MathWallet: Uma carteira multiplataforma disponível para desktop, web e dispositivos móveis que suporta uma variedade de criptomoedas, incluindo SOL;
  • Trust Wallet: Uma carteira móvel multi-criptomoeda que suporta SOL e vários outros tokens. É uma opção popular para usuários de dispositivos móveis;
  • Coin98: Outra carteira multiplataforma que suporta Solana, disponível para desktop e dispositivos móveis.

Como comprar Solana (SOL)?

Você pode comprar Solana (SOL) por meio de uma corretora, como a Coinext, o meio mais simples, seguro e confiável de investir em criptomoedas.

Isso porque a corretora faz todo o processo de intermediação das transações entre as partes envolvidas e também disponibiliza sua própria carteira virtual para armazenamento dos seus tokens SOL. 

Além disso, a Coinext oferece uma interface completa, com diferentes tipos de operações e dados relevantes que podem ajudar o trader a investir com mais confiança. Também disponibilizamos conteúdos educativos para que você possa tirar todas as suas dúvidas, visto que os estudos também são parte muito importante dos investimentos.

Abra sua conta grátis e de maneira rápida para comprar e vender Solana (SOL) com segurança!

🎁
Ganhou até R$25 em
Solana (SOL)
Invista a partir de R$10 pelo aplicativo Coinext®.
4,7
Inscreva-se