MACD: Conheça esse indicador e como ele funciona

Média Móvel de Convergência/Divergência, mais conhecida como MACD, é um dos principais indicadores técnicos usados por traders. Conheça a sua função.

Equipe Coinext
12/2/2021
MACD: Conheça esse indicador e como ele funciona
Compre as principais criptomoedas com segurança.
Abra sua conta grátis. Faça um Pix. Comece em instantes.
Começar

O MACD, a Média Móvel Convergente e Divergente, ou Moving Average Convergence Divergence em inglês, é um dos principais indicadores utilizados na análise técnica e um ponto fundamental para quem quer entender melhor os gráficos de diferentes ativos. Como o nome deixa claro, ele é um sinalizador de divergência e convergência entre diferentes médias móveis, que pode te ajudar a entender o melhor momento para comprar e vender seus ativos de um investimento.

Criado na década de 60 por Gerald Appel, o MACD utiliza a diferença entre diferentes médias móveis para se ter uma ideia das futuras movimentações do mercado. Além disso, está técnica serve como um ótimo guia para diferentes perfis de traders e é  um dos indicadores essenciais para a análise técnica, principalmente no curto prazo.

O MACD está classificado como um rastreador técnico. Isso quer dizer que a sua principal função é rastrear tendências e indicar sinais de mudança, reversão ou confirmação dessas tendências. 

Entenda mais sobre como esse indicador funciona e quais são os sinais que ele pode dar para quem está analisando o gráfico.

O que você verá no artigo:

  • MACD: O que é?
  • Como o MACD funciona?
  • Entendendo o histograma MACD
  • Sinal de cruzamento com a linha de sinal
  • Um sinal de alta
  • Um sinal de baixa
  • Sinal de cruzamento com a linha central
  • Sinal de divergência do MACD
  • Usando MACD no Tradeview

Como o MACD funciona?

Apesar do nome parecer complicado, o MACD tem um funcionamento relativamente simples, pelo menos para quem entende o básico da análise técnica. Ele é um indicador que acompanha o momentum (outro indicador de análise técnica )e a tendência na movimentação de preço de um ativo, através da conversão ou divergência entre seus principais elementos.

A construção do MACD é feita através de três elementos principais, sendo eles a Média Móvel Longa, a Média Móvel Curta e a Linha de Sinalização.

Segundo o cálculo original criado por Appel, a Média Móvel Exponencial (EMA) longa é calculada com base em um intervalo de tempo de 26 dias, enquanto a Média Móvel Exponencial curta é calculada com base em um período  de 12 dias.  Então, na sua forma mais básica, o MACD é calculado subtraindo a Média Móvel Exponencial (EMA) de 12 dias da Média Móvel Exponencial de 26 dias. 

O resultado desse cálculo é a linha do MACD que é usada no cálculo do terceiro elemento, que é a Média Móvel Exponencial de 9 dias do MACD,  ou  “Linha de Sinal”, que é o principal gatilho para momentos de compra e venda.

Sendo assim, os elementos básicos do MACD são: 

  • Média móvel exponencial de 26 dias do preço, sendo a Média Longa
  • Média móvel exponencial de 12 dias do preço, a Média Curta
  • Média móvel exponencial de 9 dias do resultado da subtração das duas EMA, a Linha de Sinal, ou de Sinalização.

Vale mencionar que, apesar de ter sido criada com essas médias, é possível alterar os cálculos e o período utilizado. No entanto, o uso das médias de 26 e 12 dias é universal é o mais popular nas ferramentas disponíveis para executarmos essa configuração nos gráficos. É o mais recomendado para traders iniciantes e avançados.

Confira como fica esse cálculo em elementos visuais traçados em cima do gráfico do preço do Bitcoin:

MACD-linha-sinal
Visualização do MACD e sinal no gráfico. (Imagem: captura de tela TradingView)


É possível ver a linha do MACD, em Azul, e a linha de Sinal, em Laranja, com movimentações diferenciadas e que, ora são similares, ora são opostas. É justamente essa movimentação de linhas, e principalmente o cruzamento entre elas, que nos fornecem os gatilhos de venda e compra na análise técnica.

Entendendo o histograma MACD

Além dessas linhas principais, outro elemento que é importante para o rastreador de tendência é o Histograma MACD. Esse elemento é utilizado junto das linhas de Sinal e do MACD e apresentam uma outra visualização da movimentação do mercado.

Na grande maioria das ferramentas, o Histograma é apresentado em um gráfico de barras com uma linha central, chamada de Linha Zero. 

As barras, representando a média móvel, podem estar abaixo ou acima da linha central (vermelhas quando abaixo, verde quando acima) e isso também sinaliza momentos de baixa, alta e de reversão. 

histograma-MACD
Representação do histograma. (Imagem: captura de tela MACD)


A ideia do histograma é justamente ser um visualizador sobre momentos de sobrecompra ou sobrevenda, sendo utilizado com o próprio MACD e outros marcadores, como as Bandas de Bollinger para uma decisão mais certeira sobre a compra ou venda de uma ação.  

Além de sinalizar momentos de queda (com barras abaixo da linha central), também é possível visualizar a força de uma tendência. Note que o Histograma deixa claro quando uma tendência foi mais forte que outro período, já que as barras são maiores e duram por mais tempo em sua respectiva tendência.

Por exemplo, veja como é clara a diferença entre uma forte tendência de alta e uma tendência de alta com menos fôlego e menores preços no Histograma:

tendência-histograma-MACD
Identificação de tendências no histograma. (Imagem: captura de tela TradingView)

Sendo assim, com o Histograma você tem uma segunda maneira de visualizar as mudanças e movimentos do mercado, facilitando a sua tomada de decisão sobre o ativo que está sendo analisado.

Sinal de cruzamento com a linha de sina

O MACD, assim como outros indicadores, oferece sinais através do cruzamento de diferentes dados, apresentados visualmente em linhas. Ou seja, temos sinais de alta e de baixa de acordo com o comportamento da linha de sinal em relação ao MACD

Veja quais são os principais sinais e a sua visualização.

Um sinal de alta

Um sinal de alta no MACD é bem simples de ser visualizado. O mercado está dando sinais de ganho quando a linha do MACD (Linha Azul no exemplo) cruza acima da Linha de Sinal (Linha laranja). 

Enquanto a linha do MACD está acima da Linha de Sinal, a tendência é de alta. Quanto mais distante as duas estiverem, mais forte é essa tendência. Veja no exemplo, o período de valorização acontece quando a linha do MACD cruza acima da Linha de Sinal e a tendência dura até um novo cruzamento no caminho oposto acontecer. (Observe também a função do Histograma de auxiliar a marcação da tendência nesse período).

sinal-de-alta-MACD
Um cruzamento positivo no MACD no gráfico do Bitcoin e todo o momento que ele se manteve positivo, indicando que estávamos em um período de alta consolidada. (Imagem: TradingView)

Para entender mais sobre a força de uma tendência, leia os artigos abaixo:

Um sinal de baixa

No caminho oposto, quando a linha do MACD cruza abaixo da linha de sinal temos um momento de baixa e a consolidação de uma tendência de queda, assim no período próximo ao exemplo de cima temos a reversão do momento positivo.

A visualização é assim:

sinal-de-baixa-MACD
(Imagem: Captura de Tela)

Observe que assim que a linha MACD passou abaixo da Linha de Sinal, teve início um período de queda e a confirmação de um tendência de baixa por curto período. 

Com isso, é possível perceber quais são os sinais de venda e compra utilizando o MACD. Além disso, também é possível utilizar o indicador para tentar determinar a força de uma tendência atual e qual podermos ter uma reversão.

Sinal de cruzamento com a linha central

Enquanto o cruzamento entre as linhas é o sinal mais comum e muitas vezes o principal ponto observado pelos traders, existe um segundo sinal que é quase tão popular quanto: O cruzamento com a linha central. 

Esse cruzamento acontece quando a linha MACD cruza e fica abaixo da linha central (Linha Zero utilizada pelo Histograma), indicando um momento de baixa

Ou então temos a situação oposta, quando a linha MACD cruza com a linha central em um movimento de alta, ela fica acima, indicando uma área de ganhos. 

Esses cruzamentos indicam tendências do mercado.

cruzamento-linha-central-MACD
Cruzamentos com a linha central da linha MACD. Um cruzamento positivo, seguido por um negativo e outro positivo.(Imagem: Trading View)

Note como a linha Azul passa acima ou abaixo da linha central do Histograma, sinalizando tendências claras para o mercado que estamos analisando.

Sinal de divergência do MACD

O Sinal de Divergência do MACD, como o nome já indica, acontece quando há uma diferença na movimentação do MACD em relação com o preço do ativo. Esse é um sinal mais complexo, mas ele demonstra que o preço está indicando uma “falsa tendência”.

Por exemplo, se o preço do ativo formar um novo fundo (preço mais baixo do período) e o MACD apenas um sinal de baixa, sem ser uma mínima, quer dizer que a pressão de compra ainda está pressionando o mercado e que a tendência não vai se consolidar.

sinal-de-divergência-MACD
(Imagem: TradingView)

Note que o preço tinha marcado um novo mínimo, mas o MACD ainda não estava em seu valor mais baixo, indicando que logo haveria uma reversão da queda. 

Usando MACD no Tradeview

O MACD é uma ferramenta muito importante para qualquer trader, por isso ela está disponível para quem usa o site gratuito Tradingview. Com apenas alguns cliques você pode ativar a opção para visualizar o indicador, sem precisar fazer cálculos complicados e com uma interface bem amigável.

Passo 1: Entrar no Tradingview e buscar pelo ativo desejado, depois clicar em “Ver Gráfico complicado. Uma vez que o Gráfico estiver aberto, clique no símbolo dos indicadores e estratégias. 

MACD-tradingView
(Imagem: TradingView)


Passo 2: Clique em “Incorporados” e procure por MACD para ativar os indicadores no gráfico que você está visualizando.

indicadores-MACD
(Imagem: Tradingview)

E vale relembrar: O MACD não deve ser utilizado como um sinalizador único ou absoluto. Utilize esse sinalizador com junto dos outros disponíveis no mercado para ter a melhor decisão para os seus trades. 

Quer entender na prática como funciona o MACD? Abra sua conta gratuitamente na Coinext para investir em Bitcoin e outras criptomoedas.

Faça seu primeiro depósito para explorar a plataforma. A partir de R$25,00 você já consegue começar a estudar e colocar em prática.


Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Compre Bitcoin e outras moedas com segurança.
Abra sua conta grátis. Faça um Pix. Compre em instantes.
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Mais nesta categoria
CONTEÚDO PRODUZIDO POR
Essas análises são de responsabilidade da Mercurius e não são uma recomendação de investimento.
Assine nossa newsletter e receba conteúdo toda semana
Ao assinar a newsletter, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo comunicações no meu e-mail
Obrigado! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Oops! Revise seu email e insira um válido.
Concorra a Bitcoins e R$10.000 em prêmios!
Participe da Promoção Indique e Ganhe. Compartilhe seu link de afiliados com amigos e concorra automaticamente.
SAIBA MAIS
Feedback