Super Semana Cripto | 16 a 20 de abril | Inscreva-se

Análise de criptomoedas semanal (06/03): Coluna Trading View

Confira o que os analistas do TrandigView estão comentando sobre o momento decisivo do Bitcoin e sobre a análise do mercado de criptomoedas desta semana.

TradingView
Última atualização:
4/1/2024

A semana reserva dados importantes para a economia americana, como a ida de Jerome Powel (presidente do Fed, banco central dos EUA) ao Senado para responder às principais perguntas dos Senadores.

Já os dados de emprego na sexta-feira prometem ser a pimentinha da semana, podendo dar um norte aos investidores em relação à pressão inflacionária no país.

Confira o que os analistas do TradingView estão comentando sobre o mercado de criptomoedas esta semana:

Coluna do TradingView: Bitcoin segue lateral em semana importante

As análises de hoje trazem importantes insights sobre o momento decisivo do Bitcoin e também sobre o token MATIC da Polygon:

Samuel Paz

Trazendo uma análise macro do Bitcoin (BTC), gostaríamos de apresentar alguns pontos relevantes que merecem a nossa atenção antes de decidir abrir alguma operação.

Outro fator importante a destacar é que esta análise está sendo feita no tempo gráfico de 4 horas, para operações de swing trader, ou seja, operações mais longas que podem levar dias ou semanas para serem concluídas.

O primeiro ponto a destacar na nossa análise é o indicador Perfil de Volume Range Fixo. Esse indicador foi traçado dos candles do dia 30 de janeiro de 2023 às 17h até o candle do dia 01 de março de 2023 às 5h.

Esse indicador mostra onde está localizado o POC, que é o ponto ou a faixa de preço de maior concentração de volume em determinado local no gráfico. Em outras palavras, o POC é a faixa de preço de maior importância em determinado local no gráfico, sendo este uma zona de extrema importância para a definição da direção que o preço irá seguir depois que tocar essa área.

Faixa de preço destacada em vermelho no gráfico que representa uma zona chamada de “armadilha urso”. Essa armadilha consiste de quando o preço vem até essa zona, apresenta fortes movimentos, os quais também podemos destacar forte força de rejeição, fazendo com que muitos players do mercado acreditem que está se iniciando um movimento de baixa, gerando assim a abertura de muitas operações em shorts.

Mas logo em seguida esse movimento é rejeitado, deixando muitas agulhas nos candles e estopando a grande maioria das pessoas que acreditaram em um movimento baixista, gerando assim a armadilha urso.

A zona alvo começa em US$25.150 e vai até US$25.700 e representa a faixa de preço de alvo caso o preço do BTC consiga romper a zona do POC, zona a qual o preço está neste momento.

Esta zona representa um topo que pode ser testado pela terceira vez, onde a primeira vez que o preço chegou a esse patamar no nosso gráfico foi em 14 de agosto de 2022, sendo retestada pela última vez entre os dias 16 e 21 de fevereiro deste ano.

Essa faixa de preço representa uma importante resistência para o Bitcoin, no qual devemos ficar atentos caso o BTC queira vir retestar essa zona. (Ver análise completa).

Gráfico de futuros perpétuos de Bitcoin/TetherUS

Power Trading

No gráfico mensal do Bitcoin, os ursos vêm dominando há um tempo. Porém, nos últimos meses, notamos que a tendência vem se arrastando com dificuldade e sem continuação de baixa.

O volume despendido é crescente e ultra alto. Com base na 3ª Lei de Wyckoff, a Lei do Esforço X Resultado, percebemos que há uma anomalia. Formamos barras de spread (corpo) pequeno e barras de volume muito altas.

O esforço (volume) exercido é alto, e o resultado (preço) foi baixo, sinalizando que o Smart Money está encerrando suas vendas e agora enchendo os carrinhos.

No entanto, continuam a empurrar o preço para baixo, dando a parecer que o preço ainda está em tendência de baixa. Após essa venda climática, estamos em busca do topo descendente, pois já temos o pivô de alta no semanal, o que confirma o fundo descendente no mensal.

No fechamento da vela mensal de fevereiro, tivemos uma barra de spread pequeno, e a barra de volume foi acima dos demais, o que sinaliza uma anomalia segundo Wyckoff. Vemos que esse candle foi formado próximo a uma região de resistência e também próximo à EMA 12.

Todas essas confluências nos indicam que podemos estar em busca da formação do topo descendente no mensal, mas precisamos analisar agora se o preço já está trabalhando para a formação desse topo descendente no gráfico mensal, porém nos tempos gráficos menores.

Na tendência primária do gráfico diário do Bitcoin, vemos uma tendência de alta que está trabalhando dentro de uma Cunha Ascendente, padrão gráfico que indica uma possível reversão da tendência.

O preço acabou de formar o seu fundo ascendente, porém, nessa nova retomada de impulso, o preço está trabalhando abaixo das EMAs 12 e 26. O preço até chegou a ultrapassar as EMAs, porém sem continuação de alta.

Visto isso, a tendência secundária do gráfico diário agora parece estar formando uma bandeira de baixa que, se for confirmada e rompida para baixo, pode ser um indicativo de mais continuação de baixa. Agora, se o preço começar a subir e romper a região de resistência que foi criada acima, poderemos ter uma retomada da tendência de alta. (Ver análise na íntegra).

Bgullis

Polygon (MATIC) apresentou uma grande subida em preço até meados de fevereiro, porém desde o dia 18/02 vem apresentando uma correção praticamente diária.

No curto prazo (4H), há uma clara tendência de baixa respeitando a LTB. Hoje o preço encontra-se "preso" entre a Fibo 0,382 e 0,5, considerando a pernada de alta iniciada em 01/01/23. Especialmente, há uma forte confluência na região de USD 1,25 com a POC do VRPV (vermelho), a EMA 200 (azul) e o Fibo 0,382 (branco).

Rompimento USD 1,30 indica continuidade de tendência de alta, à espera do lançamento do ZKEVM (Hermez) no final do mês. Rompimento do suporte em USD 1,15 indica busca imediata de USD 1,07 e USD 1,00. (Ver mais sobre Matic).

LuaTV

Um dos tokens que mais subiram nas últimas semanas, NTX segue tendência de alta fazendo topos e fundos fundos ascendentes. Vale ressaltar que a mesma segue acima da média de 8 semanal, que apesar de visivelmente já demonstrado, ressalta a força imensa e crescente que os tokens de Inteligência Artificial vem tendo ultimamente; vale ressaltar que a mesma vem se segurando bastante, mesmo com as retrações do BTC.

Por fim, mostro-lhes que a cripto segue atingindo sua maior resistência (zona cinza superior), e caso rompa, facilmente alcançará o patamar anterior (círculo dourado) para um possível topo duplo.

Vale informar que caso o movimento reverta e faça um topo mais baixo, seguidamente de um fundo abaixo do suporte (zona do 0,072), NTX poderá buscar o suporte mais baixo da zona de acumulação (zona de 0,036) (Ver mais sobre Criptomoedas).

Gráfico de preço da Nunet no par NTX/Tether

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Samuel Paz, Power Trading, Bgullis e LuaTV.

Sobre o autor
TradingView
O TradingView é uma plataforma de gráficos e uma rede social utilizada por milhões de traders e investidores em todo o mundo para encontrar oportunidades em diferentes mercados. Semanalmente, analistas do TradingView trazem estudos de análises técnicas sobre o mercado de criptomoedas.
Mais nesta categoria
🎁
Ganhe até R$25 em
Bitcoin e mais criptos
Invista a partir de R$10 pelo aplicativo Coinext®.
4,7
Inscreva-se