Carteira Virtual: Veja o que é e qual a sua utilidade

Você conhece as carteiras virtuais? Elas servem para armazenar suas criptomoedas. Conheça os tipos de carteiras virtuais e descubra se elas são seguras.

Por
Equipe Coinext
5/3/2021
Carteira Virtual: Veja o que é e qual a sua utilidade

Você já ouviu falar no termo “Wallet”? Ou então Carteira de Criptomoedas? Esses são termos bem comuns para quem está começando a pesquisar sobre criptomoedas e querendo investir inicialmente nesses novos ativos. Existem diferentes tipos de carteiras que podem ser utilizadas por quem guarda criptomoedas, desde as carteiras físicas até as de papel. Mas um dos tipos mais utilizados é a Carteira Virtual de Criptomoedas. 

Essas são carteiras mais prática, mas oferecem nível de segurança um pouco menor que modelos físicos. Por isso, vale ressaltar que existem alguns cuidados que é preciso ter em relação a escolher a sua carteira virtual.


No artigo de hoje, você vai entender:

  • Carteira virtual
  • Quais moedas conseguimos guardar na carteira virtual?
  • Bitcoin
  • Litecoin
  • Ethereum
  • Ripple
  • Bitcoin Cash
  • Tether USDT
  • Carteiras virtuais são seguras?
  • Quais são os tipos de carteiras virtuais?
  • Hot Wallet
  • Cold Wallet

Como o nome já indica, as carteiras virtuais são softwares (programas e/ou aplicativos) utilizados para guardar diferentes ativos. Essas carteiras podem funcionar através de aplicativos mobile, através de programa instalado em um computador ou até mesmo de forma online, como quando usamos uma corretora como Wallet para custodiar as nossas moedas.

Uma das principais vantagens das carteiras virtuais é justamente a praticidade que elas oferecem. A grande maioria desses aplicativos possuem uma interface gráfica bem simples, além de facilitar operações de recebimento e transferência de moedas. No caso das carteiras virtuais ligadas direto a corretoras, você pode até mesmo participar do mercado com mais facilidade.

Quais moedas conseguimos guardar na carteira virtual?

As carteiras virtuais podem ser usadas para guardar tanto apenas um tipo de ativo digital, quanto uma variedade, para aqueles que diversificam seus investimentos e apostam em diferentes moedas, permitindo um controle mais direto do seu portfólio. 

Um exemplo disso é a Electrum, famosa carteira digital usada apenas para Bitcoin, e a Atomic Wallet, que aceita mais de 300 moedas. 

Cada carteira conta com características diferentes e por isso aceitam diferentes moedas. No entanto, com o grande número de carteiras virtuais, é possível encontrar uma para qualquer ativo digital. 

Abaixo vamos dar uma orientação sobre as principais criptomoedas e altcoins do momento e como você pode armazená-las em carteiras digitais. Lembrando que na Coinext você negociar todas elas e guardá-las com segurança.

Bitcoin

O Bitcoin é a criptomoeda mais famosa do mundo, sendo o carro chefe do criptomercado. Com isso, a grande maioria das carteiras virtuais aceitam o Bitcoin ou são feitas exclusivamente para esse ativo digital. 

Existem vários exemplos de carteiras virtuais para o Bitcoin, quando falamos em segurança, uma das mais recomendadas é a Electrum. Ela é conhecida no mercado por ser bem segura e por ter um código aberto, o que quer dizer que há muita transparência sobre o software e seu desenvolvimento. A interface da Electrum é simples e intuitiva, favorecendo bastante a experiência de usuários iniciantes.

Já para quem busca uma solução mobile, uma boa escolha é o Mycelium é uma das mais recomendadas, apesar de ser mais complicada para investidores iniciantes. 

Por ser negociado em todas as exchanges, o Bitcoin também é aceito nas carteiras virtuais desses serviços de forma bem ampla. Você não terá problemas em encontrar algum lugar para armazenar seus bitcoins.

Litecoin

O Litecoin é um dos forks mais famosos do Bitcoin e uma opção muito escolhida pelos investidores, tanto para fins de reserva de valor, quanto para as diferentes transações em compras que são possíveis para ativos digitais. 

Um projeto interessante de carteira virtual para o Litecoin é o Electrum LTC, um Fork do Electrum para Bitcoin, oferecendo os mesmos recursos e o mesmo nível de segurança que o Electrum, em um programa simples e intuitivo. 

Para guardar Litecoins, outra opção é a Exodus, também segura e com a possibilidade de guardar mais de 100 outras criptomoedas. Sua única desvantagem é possuir código proprietário fechado, sem a intervenção da comunidade. 

Para a versão mobile, temos a Litecoinwallet, aplicativo oficial da moeda, desenvolvido pelo criador do Litecoin, Charlie Lee. 

Ethereum

Outra moeda muito utilizada no mundo todo, o Ethereum também conta com suporte de diversas carteiras virtuais diferentes e também de diferentes corretoras. O padrão ERC-20 da moeda foi utilizado por muitas outras criptos e geralmente possuem compatibilidade com carteiras que aceitam o Ethereum, mas não todas. Aqui na Coinext, por exemplo, você não deve usar a rede padrão ERC-20 para realizar depósitos.

O Ethereum também pode ser guardado em diferentes carteiras virtuais com compatibilidade com várias outras criptomoedas, como as já citadas Exodus e Atomic Wallet. 

Mas, para quem busca algo mais específico, e com mais recursos, uma boa opção é o software Metamask, que possui até uma extensão no Google Chrome disponível para download. 

Essa carteira, para usuários mais avançados, também permite uma interação maior com outros tokens do padrão do Ethereum, além de acesso à tokens ligados às Finanças Descentralizadas (DeFi), através de diferentes dApps (Aplicativos Descentralizados) na rede Ethereum.

XRP (Ripple)

O XRP, Ripple, já foi a maior altcoin do mercado, tendo superado o Ethereum por um breve período. Ela tem propriedades similares a outras altcoins que apostam em taxas mais baixas e um alto nível de transações por segundo, no entanto, o XRP sempre teve foco institucional. 

A criptomoeda XRP não possui carteiras focadas em seu uso, como o Ethereum ou o Bitcoin. Mas ela pode ser guardada nas carteiras multimoedas que comentamos. Outra boa opção é a carteira Edge, para dispositivos mobile. 

Bitcoin Cash

Em 2017 uma parte dos investidores de Bitcoin ficaram insatisfeitos com  o caminho que o ativo estava seguindo, principalmente em relação a implementação da atualização Segwit. Desse conflito surgiu um dos principais forks da criptomoeda, o Bitcoin Cash, conhecido por ter as mesmas propriedades do Bitcoin, mas com mais velocidade nas transações e taxas menores. 

Uma boa carteira focada em Bitcoin cash é o Electron Cash, que apesar do nome parecido, não tem ligação com a Electrum, sendo muito recomendada entre os investidores da moeda. Já para os dispositivos mobile a TrustWallet é uma ótima opção, conhecida por ser segura e ter uma boa interface e facilidade de uso.

Tether USDT

Outra moeda que tem suporte de muitas carteiras e corretoras é o Dólar Tether (USDT). O USDT é acima de tudo uma moeda que aposta na praticidade, já que ela é pareada ao dólar e, portanto, facilita muito seu câmbio e de demais moedas. O Tether conta com mais agilidade, menos impostos e taxas de câmbio. 

Para guardar seus dólares digitais no seu computador uma boa opção é o Atomic Wallet, por conta de sua facilidade de acesso. Para o mobile recomendamos o uso da Coinomi, também muito versátil e com uma experiência de usuário simples.

Esses seis ativos digitais são alguns dos mais famosos de todo o criptomercado. Na Coinext, além de conseguir diversificar seus investimentos com várias opções de altcoins, você também tem acesso a uma  carteira virtual com a opção de guardar todos esses criptoativos, facilitando seu uso em negociações rápidas nos nossos livros de oferta.


Veja o que o mercado e os especialistas estão esperando para o Bitcoin e as principais Altcoins em 2021:

Carteiras virtuais são seguras?

carteiras-virtuais-bitcoin

As carteiras virtuais tem como maior vantagem a sua praticidade, mas é preciso ficar muito atento à segurança desses softwares. Primeiro temos o ponto principal: A escolha da carteira virtual correta. 

Diferente das carteiras físicas, com algumas marcas dominantes no mercado, é possível encontrar centenas de soft wallets (carteiras em software, instaladas em seus dispositivos eletrônicos). Ao não pesquisar sobre a segurança e a veracidade de cada uma, pode ser que o investidor acabe utilizando uma não tão confiável ou simplesmente caia em um golpe. 

Outra parte fundamental para garantir a segurança das carteiras virtuais é entender que elas são mais vulneráveis a diferentes ataques. Por existirem em um ambiente digital, elas podem ser comprometidas por diferentes vírus ou até mesmo ataques de phishing, que são os ataques realizados através de e-mails falsos com o objetivo de roubar seus dados. 

Com isso em mente, uma boa wallet ou uma corretora confiável, são as opções que oferecem mais segurança para você investir nas criptomoedas e armazená-las de forma satisfatória. Leve sem consideração, também, que hard wallets (que são carteiras físicas), são mais seguras por não estarem conectadas online, como as hot wallets.

Quais são os tipos de carteiras virtuais?

Existem carteiras virtuais que podem ser instaladas no seu computador, em celulares ou usadas diretamente através do seu navegador. Cada uma possui uma certa vantagem e um nível de segurança diferente. 

Mas o mais importante é entender a divisão entre o uso dessas carteiras. No mercado de criptomoedas, existe o conceito da Carteira Fria (Cold Wallet) e Carteira de Negociação (Hot Wallet). Cada uma deve ser usada para um objetivo diferente, para que, caso o pior aconteça, o prejuízo seja mínimo.

Hot Wallet

Uma Hot Wallet é aquela que você usa para negociação, arbitragem e outras operações diretas com seus criptoativos. Guardar as moedas diretamente em uma corretora é o que chamamos de Hot Wallet. Outra característica da Hot Wallet é que você precisa estar conectado à internet, para acessá-la.

Como são os ativos que você vai usar constantemente, faz mais sentido que eles permaneçam na sua carteira virtual para facilitar a negociação. Aqui na Coinext, por exemplo, nós mantemos em uma hot wallet apenas uma pequena quantidade de bitcoins que será sacada nas próximas horas. Assim, aumentamos a segurança dos ativos totais em caso de um possível ataque.

Cold Wallet

A Cold Wallet é o oposto do exemplo acima, geralmente sendo uma carteira offline. É nesse tipo de carteira que você pode guardar a maior parte dos seus Bitcoins e Altcoins para funcionar como sua principal reserva de valor.

Quanto mais seguro for uma Cold Wallet melhor para você. As principais wallets recomendadas por especialistas são aquelas em que é necessário o uso de uma Hard Wallet, que são dispositivos hardwares independentes utilizados para guardar criptomoedas, como a Trezor e a Ledger, que são as líderes de mercado e possuem muita experiência com a segurança dos bitcoins de seus clientes. 

Mas vale ressaltar que, ainda assim é preciso pesquisar muito sobre esses dispositivos, afinal, há diferentes recursos para você escolher e se adequar ao tipo de proteção que você procura.

Você ainda pode optar por uma Paper Wallet, uma carteira que conta apenas com uma chave para ser sua senha e um endereço, muitas vezes anotada em papel, daí a origem de seu nome, carteira de papel. 

Para criar uma Paper Wallet, o usuário precisa em um gerador de chave do Bitcoin e determinar qual é o nível de aleatoriedade para gerar sua seed (endereço particular da sua carteira). 

Após alguns processos simples para aumentar a aleatoriedade das suas chaves de acesso, você receberá duas chaves, a pública (utilizada como endereço para receber Bitcoins) e a privada (que garante acesso à sua carteira e nunca deve ser compartilhada). Basta imprimir essas chaves e acesso para ter a sua carteira offline. 

Não existe uma senha para utilizar a sua carteira offline, apenas com a chave privada que você pode retirar seus Bitcoins. Por isso, essa informação nunca deve ser divulgada. 



paper-wallet
Exemplo de Carteira Paper Wallet criada, pronta para a impressão e uso.

Paper Wallets são mais avançadas que as Carteiras Virtuais de criptomoedas e exigem um pouco mais de conhecimento, até mesmo para autenticar as suas chaves fazendo uma comparação com as informações que estão dentro do Blockchain. No entanto, são os modelos mais seguros contra ataques hackers. 

A principal característica de uma cold Wallet é não ter conexão com a internet, mas ainda assim é possível usar alguns modelos de carteira virtual como uma Cold Wallet. 

Para isso é preciso pesquisar sobre a estabilidade e segurança do programa antes, sempre escolhendo uma carteira bem avaliada.

Para usar uma carteira virtual como Cold Wallet, primeiro você precisa instalar o programa em um dispositivo que esteja completamente livre de vírus e seja seguro, guardar suas moedas nessa carteira e “deixar lá”.

Depois que a carteira for instalada, desconecte o dispositivo da internet e não o use para nenhuma outra atividade (ver e-mails, navegar em sites, etc..). 

Todos os vetores de ataque às carteiras de criptomoedas são feitos através da internet, por isso para usar uma carteira virtual como cold wallet você não pode ter conexão com a internet no dispositivo escolhido, exceto para realizar transações. 

De preferência, utilize a carteira virtual usada como Cold Wallet em um dispositivo que raramente é conectado à internet ou mesmo que você não use diariamente. 

Agora você já sabe como funciona uma carteira virtual e como você pode proteger o seu investimento com praticidade! 

Caso você esteja buscando uma corretora para usar como carteira, a Coinext oferece uma série de fatores de segurança para que você tenha tranquilidade para se concentrar nas melhores estratégias com o seu investimento. Venha conhecer e tire suas próprias conclusões, estamos te aguardando.

Faça seu cadastro gratuitamente, conheça nossa plataforma de educação do cliente e conte com nosso suporte para tirar dúvidas e resolução de problemas.


Mais nesta categoria
CONTEÚDO PRODUZIDO POR
Essas análises são de responsabilidade da Mercurius e não são uma recomendação de investimento.
Assine nossa newsletter e receba conteúdo exclusivo
Ao assinar a newsletter, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo a utilização das minhas informações pela Coinext.
Obrigado! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Oops! Revise seu email e insira um válido.
Novas moedas na Coinext.
Você até dia 4 de abril.
Serão 5 novas criptomoedas listadas a partir de abril e você pode escolher suas preferidas entre 8 opções.
Vote agora
Feedback